Abandonar a fixação é efetivamente um processo de aprender a ser livre, porque cada vez que deixamos ir alguma coisa, ficamos livres disso. Qualquer coisa a que nos fixamos nos limita, porque a fixação nos faz dependentes de algo além de nós mesmos. Cada vez que abandonamos algo, vivenciamos um outro nível de liberdade.
Traleg Kyabgon RinpocheTricycle, outono 2004 (Tricycle’s Daily Dharma, 10/09/2009)

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

You may use these HTML tags and attributes: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <s> <strike> <strong>