Ando pela rua
Há um buraco fundo na calçada
Eu caio
Estou perdido…sem esperança
Não é culpa minha
Levo uma eternidade para encontrar a saída

Ando pela mesma rua
Há um buraco fundo na calçada
Mas finjo não vê-lo
Caio nele de novo
Não posso acreditar q eu estou no mesmo lugar
Ainda assim leva um tempo para eu sair

Ando pela mesmo rua
Há um buraco fundo na calçada
Vejo que ele ali está
Ainda assim caio… é um hábito
Meus olhos se abrem
Sei onde estou
É minha culpa
Saio imediatamente

Ando pela mesma rua
Há um buraco fundo na calçada
Dou a volta

Ando por outra rua

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

You may use these HTML tags and attributes: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <s> <strike> <strong>